22 de abril de 2010

EU TI AMO...


εïз¨`*•. ¸ ¸. -´¸. -♥´¨) ¸. -♥¨) ¸εïз¨`*•. ¸ ¸. -´¸. -♥´¨) ¸. -♥¨) ¸


EU TI AMO...


Poema enviado por: JANETE PRINCE

EU VEJO TEU ROSTO, QUE É SÓ MEU, O MIMO E A TERNURA QUE INVADE ESTE MEU AMOR INFINITO...
POEMAS DIZEM VOZES SÁBIA DE NÓS, NA REFLEXÃO DA LUZ DO NOSSO TEMPO...
TEM FLÔRES QUE BROTAM PARA O AROMA SENTIR NA IMENSIDÃO DO MEU JARDIM QUE RELUZ ABERTO...

SÃO COMO OS PASSÁROS QUE VOAM, EU SOU A VIDA, EU SOU A TUA FLOR, E OUÇO A MÚSICA E CANÇÃO...
SINTO UM IMENSO AMOR NUMA NOITE DE VERÃO, E DURANTE O INVERNO SINTO O ACONCHEGO...
ÉS O MELHOR DE TODOS, COM ESTE ROSTO QUE ME ACARICIA UNIDOS EM MEU AROMADO SEIO...

ONDE SENTE MEU CALOR HUMANO, E CLAMA POR UM DIA ONDE SORRI COMO A BORBOLETA AZUL E AMADO...
NESTE PANORAMA ONDE A NATUREZA SAUDA COM TODA FELICIDADE AO POR DO SOL...
NESTA ESCRITA VEJO O TEMPO PASSAR, E CADA MOMENTO SENTINDO A SUA EXISTÊNCIA...

SÃO MOMENTOS DE ALEGRIA E DE FELICIDADE QUE TOCO A TRADIÇÃO DE UM CAFÉ E UM VIOLINO...
TUDO É ARTE NA VIDA, ATÉ NOSSO AMOR SECRETO, QUE AS VEZES TORNA NOSSO AMOR EM CORAÇÃO...
EU TI AMO E NUM GESTO DE CARINHO, ESTOU NOVAMENTE ONDE TUDO RESPLANDECE...

DESTE AMOR GLORIOSO, ONDE NESTE PEQUENO VERSO EU TE PEÇO A MINHA FELICIDADE...
PODE ATÉ MUDAR DE CIDADE OU FAZER UMA BELA TATUAGEM DE DRAGÃO...
PORQUE ASCENDO MINHA FOGUEIRA PARA APROXIMAR A NOSSA PAIXÃO...

ESTE FOGO QUE ME ENCHE DE AMOR, E AS SENSAÇÕES FAZ PARTE DO SONETO...
NESTE VERSO ATÉ O CAVALO DE SÃO JORGE JÁ VIROU MARCHADOR NAS NOITES DE LUA CHEIA NO PRANTO...
AS PÁGINAS DESTE VERSOS, É UMA SAUDADE INFINITA, DESTE AMOR QUE ANDA COM SUA FACE PERDIDA...

SÃO DUAS NATUREZAS ONDE ROSTO A ROSTO, PODEMOS BEIJAR BEM PROLONGADO...
E DESABAFAR NOS ENSEJOS, NA PROCURA DA CONQUISTA E O TOCAR DO NOSSO CORPO..
NESTE DESEJO INTENSO, ONDE NÓS DOIS ESTAMOS ADORMECENDO APÓS O AMOR QUE É UM FOGO...



(Autor: JANETESAFIRA)

εïз¨`*•. ¸ ¸. -´¸. -♥´¨) ¸. -♥¨) ¸εïз¨`*•. ¸ ¸. -´¸. -♥´¨) ¸. -♥¨)




LÁGRIMAS DE AREIA

Lá estava ela, triste e taciturna.
Testemunha de efêmeros conflitos,
Com um olhar perdido no tempo,
Não exigia nada em troca
A não ser um pouco de atenção.

Sentia-se solitária, oca,
Os homens admiravam-na pelos seus dotes.
As crianças, em sua eterna plenitude,
Admiravam-na muito mais além...
... Mais humana!

De sua profunda melancolia
Lágrimas surgiram.
Elas não umedeceram o seu rosto,
Mas secaram o seu coração,
O poço da alma,
Aumentando cada vez mais
A sua sede.

Lá ela permaneceu; estática, paralisada!
Esperando que o vento do norte a levasse
Para bem longe dali!

O dia começou a desfalecer.
Seu coração, outrora seco e vazio,
Agora pulsava em desenfreada arritmia.
Desespero!
A maré estava subindo...

Em breve voltaria a ser o que era:
Um simples grão de areia.
Quiçá um dia levado pelo vento,
Quiçá um dia... Em um porto seguro.

* ( Agamenon Troyan)
¸

17 de abril de 2010

Perguntei a um Sábio

William Shakespear

Perguntei a um sábio, a diferença que havia entre amor e amizade, ele me disse essa verdade...

O Amor é mais sensível, a Amizade mais segura.

O Amor nos dá asas, a Amizade o chão.

No Amor há mais carinho, na Amizade compreensão.

O Amor é plantado e com carinho cultivado, a Amizade vem faceira, e com troca de alegria e tristeza, torna-se uma grande e querida companheira.

Mas quando o Amor é sincero ele vem com um grande amigo, e quando a Amizade é concreta, ela é cheia de amor e carinho.

Quando se tem um amigo ou uma grande paixão, ambos sentimentos coexistem dentro do seu coração.


 

Ilusões do Amanhã



Ilusões do Amanhã
'Por que eu vivo procurando um motivo de viver,Se a vida às vezes parece de mim esquecer? Procuro em todas, mas todas não são você.
Eu quero apenas viver, se não for para mim que seja pra você. Mas às vezes você parece me ignorar, sem nem ao menos me olhar,
Me machucando pra valer. Atrás dos meus sonhos eu vou correr. Eu vou me achar, pra mais tarde em você me perder. Se a vida dá presente pra cada um, e o meu, cadê?
Será que esse mundo tem jeito?
Esse mundo cheio de preconceito. Quando estou só, preso na minha solidão, Juntando pedaços de mim que caíam ao chão, Juro que às vezes nem ao menos sei, quem sou.
Talvez eu seja um tolo, Que acredita num sonho.
Na procura de te esquecer, Eu fiz brotar a flor.
Para carregar junto ao peito, E crer que esse mundo ainda tem jeito.
E como príncipe sonhador... Sou um tolo que acredita, ainda, no Amor... '
(Autor: desconhecido)


Obrigada pela sua visitinha, volte sempre, beijos no coração!







Seu Emprego Certo

O portal que partilha os seus rendimentos

Solicite sua Revista Gratis

TOP BLOG

encantodossonhos@gmail.com

Novas amizades, bate-papo, namoro e mais diversão com o Badoo!

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Seguidores

Livre-se das multas de Trânsitos


Top30 Brasil - Vote neste site!

Top30 Brasil